Imagine Hot Niall



Você é amiga dos meninos, e Niall resolveu dar uma festa na casa dele já que seus pais estão viajando. Mas a festa não durou muito tempo já que os vizinhos chamaram a polícia, que suspendeu a festa, então o pessoal foi em bora, mas Niall pediu que você ficasse, e você aceitou, pois disse para seus pais que a festa ia até mais tarde.
- Estamos só nós dois aqui agora. - você diz entediada.
- Já sei o que podemos fazer. - ele levanta uma sobrancelha, o que a faz pensar que ele está maliciando por dentro.
- O que? - você pergunta curiosa.
- Sabe jogar sinuca? - ele pergunta.
- Humm, sinuca, sou ótima na sinuca.
- Que bom, então vai ser uma competição e tanta, porque eu odeio perder. - ele fala a encarando.

- Ótimo, porque eu nunca perco. - você diz convencida de que vai ganhar. - O que vamos apostar?
- Não sei, o que você quer apostar?
- Humm… deixa eu pensar. - você pensa por aluns segundos. - Já sei! - você fala logo em seguida.
- O que? - ele pergunta animado.
- É o seguinte, se você acertar alguma bola na caçapa, eu tiro uma peça de roupa, e você tem o direito de escolher a peça que eu devo tirar, e se eu acertar uma bola, eu escolho a peça que você deve tirar.
Ele abre um sorriso malicioso.
- Mas, se você errar, derrubar uma bola minha, derrubar a bola branca ou não acertar nenhuma bola… - você continua. - Então você deve tirar uma peça de roupa, só que dai é você quem escolhe qual quer tirar, e vice-versa. - você termina dando uma piscadinha. - A primeira tacada não conta.
- Interessante esse seu desafio. - ele a analisa por alguns segundo.
- Se você ganhar, ai você pode escolher o que fazer comigo, ou o que eu devo fazer. E se eu ganhar eu é quem escolho. - você morde o lábio inferior.
- Eu topo! - diz ele indo em direção a mesa de sinuca.
Você segue ele, escolhe seu taco e ele escolhe o dele. Ele ajeita as bolas em um triângulo perfeito. e então vocês estão prontos para começar a partida.
- Pode começar. - diz ele.
- Tudo bem. - você diz se posicionando para começar a partida.
Você mira bem no meio da bola branca e a acerta em cheio, e ela derruba a bola de número 3.
- Ímpares são minhas. - você fala já se posicionando para a próxima tacada.
Você mira na bola de número 11.
- Em cima, à direita. - você anuncia sua tacada.
Você acerta a bola, mas ela não é encaçapada.
- Minha vez. - diz ele te olhando fixamente.
Ele se ajeita e joga, com força, derrubando a bola de número 4.
- Isso! - ele comemora. - Acho que você deve tirar uma peça de roupa né. - diz ele a analisando.
- Qual? - você pergunta inconformada.
- A calça.
- Já? Não podia deixar a calça pra depois não?
- Sou eu quem escolho. - ele diz fazendo sinal para que você tire a calça.
Você o obedece e tira sua calça. Ele a encara, sorrindo maliciosamente. Então ele se posiciona para jogar mais uma vez, já que acertou a tacada. Mas dessa vez ele erra.
Sua vez, e você consegue derrubar a bola de número 5.
- Pode ir tirando sua camisa mocinho. - você diz num tom autoritário.
Ele tira a camisa e você o observa, sua vez de jogar novamente. E você encaçapa a bola de número 7 e a de número 13.
- Oh yeah! Já vai tirando sua calça e seu tênis. - você diz se gabando.
- Você é quem manda. - diz ele.
Ele tira o que você mandou, então você joga novamente e erra.
- Droga! - você bufa.
- Hey baby, vai tirando sua camisa, por favor. - ele diz rindo.
Você tira sua camisa em silêncio. Então é a vez dele jogar, ele joga e encaçapa a bola de número 10.
- Isso! 10. Tire seu tênis. - ele ordena.
Você o faz. A partida continua, bolas vão e bolas vem, então vocês resolvem parar de tirar as roupas, estão apenas de roupas intimas, e apenas com uma bola na mesa, a preta de número 8. E é sua vez de jogar.
Você se prepara, colocando o peito sobre a mesa, se inclinando para jogar. Você escuta um suspiro alto atras de você. Olha rapidamente e vê Niall a olhando por trás e mordendo o lábio inferior.
- Assim você me desconcentra. - você fala.
- Você é quem me desconcentra. - diz ele.
Ele joga o taco no chão e segue em sua direção, você ainda está debruçada sobre a mesa de sinuca quando ele a agarra por trás, beijando todo seu pescoço.
- A partida ainda não terminou. - você diz entre suspiros.
- Que se foda a partida, eu quero você, agora! - diz ele cheio de desejo.
Ele abre seu sutiã, te vira de frente para ele e o arranca agressivamente, olhando fixamente seus seios. Você o encara com desejo e então ele te empurra bruscamente, fazendo você se deitar sobre a mesa, em seguida, corre os dedos por sua barriga, depois começa a agir com os lábios, subindo até seus ombros e lhe dando beijos leves, descendo para os seios, os lambendo e chupando seus mamilos desesperadamente, a fazendo suspirar.
Ele desce até sua barriga, sempre distribuindo beijos e alguns chupões, e para quando chega na sua calcinha, ele segura a barra com os dente e puxa para baixo, em seguida usa as mãos para tirá-las completamente, então ele volta a lhe dar beijos, na coxa, subindo lentamente, até chegar lá. Você geme alto ao sentir a língua dele brincar em seu sexo, e ele continua com os movimentos, agora rápidos e fortes, você fecha os olhos e dá alguns gemidos baixos, então ele para.
- Não, não! Por que parou? - você pergunta desanimada.
- Calma, isso não é nem o começo.
Ele tira a cueca dele e sua ereção pula para fora, você o fita, cheia de desejo, e precisa urgentemente dele, dentro de você.
Rapidamente ele pega uma camisinha e a coloca, ele se deita, se ajeita e a penetra, num só movimento, você abafa um gemido, então ele começa a entrar e sair de você, lentamente no começo, a torturando.
- Mais rápido. - você implora.
Então ele para, e sai de você. “O que? Não, não, como assim?”, você pensa.
- Niall…
- Levanta. - ele ordena, e rapidamente você está de pé.
Ele te vira de costas, e faz você se apoiar sobre a mesa de sinuca. Ele a encara, passa a mão por seu corpo, parando em sua bunda e dando um tapa forte.
- Ai. - você grita sentindo uma leve dor.
- Sei o que to fazendo. - ele diz a penetrando de novo.
Você geme alto, e dessa vez ele se movimenta rápido, e com força, a fazendo gemer mais e mais, ele segura seus cabelos e os puxa levemente, e continua com os movimento de vaivém, entrando e saindo de você freneticamente, até que vocês dois chegam ao clímax e gozam. Ele cai sobre você, a respiração acelerada, assim como a sua.
O peso dele é deliciosamente agradável, a pele dele na sua, isso a deixa louca. Então ele sai de você e vocês se ajeitam, colocam suas roupas e se deitam sobre a mesa de sinuca, um do lado do outro, quietos, e rindo por nada. Você olha o horário e são 05h00min da manhã, você pula da mesa de sinuca e fica o encarando.
- Meu Deus, eu tenho que ir! - você fala apavorada.
- Dorme aqui comigo? Seus pais confiam em você, eles vão acreditar no que você disser.
- Você está sugerindo que eu minta?
- Tudo bem, se você quer dizer que deu pra mim e depois resolveu ficar para um segundo round, então vá em frente.
- Segundo round? - você pergunta levantando uma sobrancelha.
- Você achou mesmo que ia acabar assim? - ele pergunta debochado.
- Acho que meus pais vão entender.
Então ele se levanta e vocês vão para o quarto dele. Mas antes de recomeçarem, resolvem descansar um pouco

3 comentários:

Obrigada por comentar
Críticas construtivas são aceitas.
Não desrespeite as autoras do blog. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão excluídos.
Não peça para divulgar seu blog/página, existe uma página para isso aqui.
A comentário tem que ter relação com o assunto da postagem
Deixe o link do seu blog no final (sem o http) para retribuir a visita
Não aceito mais selos
Volte sempre ♥