Imagine Niall (Dedicado á Stéfane Nichoall) - Entrevista.


Entrevista . 

Stéfane Voice's.

Eu estava no camarim de um estúdio, sim no camarim. Não eu não sou famosa, quer dizer mais ou menos. Acho que ser namorada de um dos maiores astros do mundo é ser famosa, não é ?
Quem é meu namorado ? Ah é o Niall, Niall Horan. Você deve estar pensando "Ai Niall seu gostoso, vem ni mim!". Todas pensam, mas eu já não tenho mais ciúmes. Em três anos consegui muito bem me acostumar, claro que tenho mais Haters do fãs ou shippers, afinal algumas são até obsessivas, me ameaçam de morte, acham que ele é delas e de ninguém mais, porém ele tem vida própria, e elas deviam aceitar que uma hora ou outra ele iria arrumar uma namorada.
Terminei de me arrumar, me olhei no espelho e percebi, eu estava bem. O camareira veio me chamar, dizendo que estava na hora. Eu fui andando o mais rápido que pude, afinal não é fácil correr de salto alto né? E eu também não sou nenhum TheFlash para sair andando super rápido.
Vi Niall me esperando prestes a entrar, ele pegou minha mãe e me selou.

-Está pronta Sté ?
-Claro, não vai ter nada demais.
-É não, só teremos que falar do nosso relacionamento e de como nos conhecemos.
-História simples Niall, super simples.
-Eu gosto dela tá.
-Eu também, mas ela continua sendo simples para mim.
-Para mim ela é muito importante.
-Eu disse que ela era simples, mas você sabe que amo coisas simples. E aliás, ela é a coisa mais importante para mim.
-Te amo bebê -rimos dele e entramos no cenário de mãos dadas, aplausos, gritos das shippers, olhares maleficos das haters, cartazes como "Niall vem pra mim, entra na minha casa, entra na minha" entre outros mais bizarros era o que não falta-.

A apresentadora falava sem parar, eu e Niall soltavamos risinhos , sorrisos simpáticos, tudo para deixar o clima agradável. Afinal algumas perguntas das Directioners no twitter eram bem inconvenientes, mas eu relevo tudo a quase três anos, não iria perder minha cabeça agora. Claro que também tinham as shippers que eram super fofas, tenho vontade abraçar cada uma. Até que surgiu a tão esperada pergunta "como começou o namoro?" eu olhei para Niall e sorri, então comecei.

3 anos atrás... 


E cá estou eu novamente, trabalhando para ter o que comer e um teto para viver. Trabalhar nesse estúdio de gravação como assistente pode parecer bom as vezes, para mim é. Não é sempre, mas as vezes consigo ver alguns meninos bonitos. Claro que não está em falta, afinal eu vivo em Londres agora e meninos bonitos é o que não falta aqui, diferente do Brasil, que onde você vai encontra um estrupício diferente. E quando se encontra um menino bonito ele já tem namorada, ou é galinha. 
Isso nem vem ao caso. Hoje eu estava bem sossegada, por enquanto claro. Logo chegam os meninos da One Direction para gravar a nova música, single deles. Se eu estou ansiosa para ouvir ? Imagina, só muito. Eu converso com os meninos sim, claro que sim. Eu puxei assunto com todos eles, o único que não foi muito com a cara foi o Niall, uma pena. Ele é uma graça, mas sempre que vamos nos falar ele acaba cortando assunto, inventando desculpa e vazando. 
Eu confesso que tenho uma quedinha por ele, ta bom um abismo. Porém isso não vem ao caso. Meu tablet apitou, avisando que Simom queria café. Sima qui tudo é chique, nem é por telefone que ele me chama é por tablet mesmo. Ri de meus pensamentos idiotas e me levantei levando café para Simom na sala, quando entrei todos os meninos estavam ali. Eu sorri simpática a todos e voltei a minha humilde mesinha do lado de fora.

***

Depois de ficar horas no tédio, lendo todas as revistas de fofoca da portaria os meninos apareceram. Eles riam igual loucos e pareciam animados, muito animados. Louis vinha pulando e fazendo gracinhas, Liam dava petelecos nele, Niall tinha as mãos na barriga, acho que era fome. Zayn e Harry vinham de boa rindo de tudo, assim como eu. Eu não podia rir escandalosamente, ninguém podia, não aqui. Porém Louis não se importava, ria alto sem nem ao menos se importar se brigariam com ele ou não.
Eles vieram até mim e me cumprimentaram, nem todos claro somente Harry e Zayn, os outros disseram que iriam ver as namoradas e Niall iria comer, novidade cadê ?

-Oi Sté -disseram juntos-
-Oi meninos, como vão ?
-Bem - respondeu Harry- Mas e ai eu tenho que te falar uma coisa sobre o Niall -eu olhei confusa-
-Cara ele disse que não queria que contássemos -Zayn disse apreensivo- 
-Contar o que ?
-Deixa eu falar Zayn, ele é muito cagão nunca vai contar pra ela.
-Mas isso não é da nossa conta, deixa eles se resolverem.
-Zayn eles vão se resolver, eu só vou dar um pequeno empurrãozinho para isso ir mais rápido.
-Sabe que não deve.
-Não aguento mais ele meloso, de qualquer forma isso vai acontecer, só irei adiantar.
-Cara ... - interrompi Zayn-
-Eu to aqui, sabiam ? 
-Ah desculpas Sté, é que o Zayn fica de cú doce e não me deixa contar.
-Quer saber conta Harry, vai em frente. Só que depois tu se vira com o Niall.
-Tá. Sté o Niall tá afim de você, mas não tem coragem de te contar. -ele disse como se aquilo fosse a coisa mais natural do mundo- Então, topa armar um encontro para vocês dois escondido dele ?
-Vocês estão zuando a minha cara ?
-Claro que não, aceita logo que você também quer. -Zayn disse falando entediado-
-Tudo bem, mas se for zuação, mato os cinco.
-Tudo bem gatinha, vamos lá.

*** Uma semana depois***


E essa era a noite que eu esperava a anos, meu encontro com Niall. Ele não sabia de nada, os meninos disseram a ele que era surpresa, ele o levariam a um restaurante que havia acabado de inaugurar, ele é meio lerdo e por isso não desconfiou de nada.Terminei de me arrumar é sai para fora, Zayn e Harry já haviam chegado, estavam com seus ternos organizados, como sempre.
-Já está pronta ? 
-É o que parece, não é ?
-Sim, mas esse vestido é meio curto e bem aberto né ? -disse Harry olhando-
-É nada. Comprei ele quando vivia no Brasil, lá todo mundo anda assim. -naturalmente pior- E também vocês me disseram para usar a roupas mais fofinha e romântica que eu tivesse, e cá estou com ela -disse abrindo os braços-
-Tá difícil esse seu guarda-roupa hein ? -disse Harry-
-Não enche, já disse que comprei no Brasil, lá é muito calor. Por isso gostamos de roupas assim.
-Tudo bem, não vou mais falar nada. Afinal você veio do Brasil, ah Brasil seu país sim é interessante. Sol, praias maravilhosas, mulheres ...
-MULHERES HARRY STYLES ? -Eduarda apareceu atrás dele, Duda é namorada dele e minha melhor amiga, nós nos conhecemos em Londres, legal né ?- MULHERES, QUER DIZER ENTÃO QUE VOCÊ GOSTA DAS MULHERES DO BRASIL ? VAGABUNDO, IDIOTA, CRETINO -ela dizia estapeando ele, ela era assim mesmo. Eles viviam aos tapas e beijos. Ela sim era ciumenta, sentia ciúmes de tudo. Das fãs, de boatos, de mulheres famosas. Porém ela sabia se controlar quando queria. Eu e Zayn continhamos o riso- VOCÊ VAI VER AS MULHERES HOJE A NOITE QUANDO FOR DORMIR NO SOFÁ, MULHERES ? -ela parecia incredula- 
-Sim meu amor, mulheres. Afinal a mulher da minha vida é brasileira.
-Não vem com mimo, que não cola babe. -ela disse brava-
-Heey, essa é minha noite casal ternurinha. Vão var espetaculos em outro canto.
-Tem razão, finalmente ele irá desencalhar, depois de eu aguentar ela quase três anos falando do Niall na minha cabeça.
-CALA BOCA EDUARDA, SE NÃO TE FAÇO ENGOLIR MEU SAPATO.
-Ui ela ficou nervosa -todos riamos, inclusive eu.-

Conheci ela três dias após chegar aqui, ela já morava aqui á seis meses e me ajudou a me situar. Ela estuda comunicação e eu contabilidade, já moro aqui a quase quatro anos. Estou no fim da minha faculdade. Assim como ela. Eu e ela nos damos super bem, ela sempre me incentivava a ir atrás de Niall, mas ele nunca dava bola, então deixei de lado. Ela e Harry namoram á dois anos, desde que eu comecei a trabalhar na gravadora Syco e os apresentei. 
Eles fizeram um sinal de silêncio e só então percebi, Niall havia chegado. Ele tinha olhos tampados, quando os abriram ele olhou para mim e corou. Todos sairam e nos deixaram a sós.

-Somos só eu e você essa noite, nem tente escapar. -eu disse rindo, ia continaur se não tivesse sido interrompida por um beijo, pera um beijo ? Ai meu Deus, to beijando Niall Horan. Porra- Agora eu tenho certeza, eu te amo.
-Oh meu Deus eu to sonhando ? -ele disse erguendo os braços- Se eu estiver sonhando, não me acorda nunca mais. -Eu ri dele e ele me girou no ar novamente- esperei anos por essa noite Sté, eu te amo. 

***


-Assim começou nosso namoro -disse Niall rindo-
-UAU, que história incrivel -a apresentadora disse rindo- Muito bonita sua história, aliás quem imaginava que a Eduarda era ciumenta gente ? Parecia tão santa -ela riu junto comigo- Mas bem, tem planos para o futuro ?
-A bem ... - eu ia dizer mais fui interrompida- 
-Sim temos, aliás quero concretiza-lo agora -disse Nialle se ajoelhou ali na minha frente-Stéfane Nichoall, eu sei que pode parecer maluco e tudo mais, mas eu me encantei com você desde o primeiro dia que te vi no estúdio de gravação, ali bem quietinha ouvindo nossa música. E depois quando nos acompanhava, cantava junto, ria conosco, sempre tão gentil e amavel. É difícil dizer que me apaixonei por uma menina em um estúdio de gravação, mas foi assim. Eu te amo mais que tudo na minha vida, até mais que o Nando's -ele disse fazendo todos rirem- Enfim, aceita se casar comigo ? -eu fiquei paralisada e com a boca aberta, mas eu sabia o que responder-
-Sim, claro que sim. -Eu respondi me jogando em seus braços.

E esse será um novo começo, uma nova história, uma nova página da vida deles. A qual eles irão escrever com muito amor e carinho. Só eles sabem o sentimento que guardam, só eles podem continuar essa história. Lembre-se, esse não é o final dessa história. É somente o início de uma nova ...

The end ...


                                                                                                 
Heey Sté (posso te chamar assim?) Eu espero que goste do seu imagine, eu amei. Achei ele super lindo, espero que goste. Beijo pra todas.

Um comentário:

  1. wount que fofinho e claro que pode me chamar de Sté se quizer até de a doida que usa óculos. Eu amei o mini imagine tá perfeito.

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar
Críticas construtivas são aceitas.
Não desrespeite as autoras do blog. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão excluídos.
Não peça para divulgar seu blog/página, existe uma página para isso aqui.
A comentário tem que ter relação com o assunto da postagem
Deixe o link do seu blog no final (sem o http) para retribuir a visita
Não aceito mais selos
Volte sempre ♥