Don't Let Me Go - Capítulo 14


Harry's P.O.V.

A vida tem vários estágios e lamento dizer que estou nos mais difíceis deles. Nunca pude imaginar que houvesse tantos obstáculos ao pensar que eu levaria minha tão desejada vida de cantor. Não há o que reclamar da banda, cada vez mais ela ganha fãs ao redor do mundo e é agradável perceber que existe milhares de indivíduos sem ao menos nem conhecer todos, eles te amam da mesma forma que eu os amo. Eles são meu ponto de força nisso tudo, com eles não há mentiras afinal, eles sabem de cada detalhe da vida de cada um da banda.
Está cada vez mais insuportável ter que sustentar as regras da gravadora. Ela dita tudo sobre o que temos que fazer, agir, ou até mesmo namorar como Louis, Liam e Zayn. Contudo meu maior obstáculo agora é a Eleanor. Os cabelos sedosos em leves ondulações em tamanho mediano, os olhos cor de caramelho, a pele branca que chegava a ser pálida e os lábios em uma linha praticamente reta. Ela era linda. E qualquer homem poderia facilmente se apaixonar por esta.
Está sendo árduo para mim ter que aturar Louis mais tempo com ela do que comigo. Eles saiam para todos os lugares que ela queria, ele fazia a vontade de Eleanor como uma garotinha mimada e seu pai fazendo o que pedia. E como eu fico nessa história? Sentado no sofá, assistindo programas entediantes com apresentaras com vozes irritantes, semelhantes a nova namorada de Louis. Parece que eles estão bem sem mim, nenhuma ligação, mensagem sobre onde estavam e que horas chegariam.
Ele chegou uma da manhã e eu ainda permanecia no sofá porém com a televisão desligada e direcionei meu olhar para Louis que fechava a porta e deixava seu casaco na poltrona.
- Onde estava? -disse ríspido
- Na casa da Eleanor vendo alguns filmes com ela.
- Muito bem Louis, tá maluco? Esqueceu que tem um namorado e este é de verdade, sem nenhum truque por trás disso. Esqueceu que ele te ama e também precisa da sua atenção. Faz mais de um mês que eu estou sem sexo enquanto você tem a hora que quiser com ela. E além disso tudo, não saímos com tanta frequência, está mais frio comigo e parece que o único momento que se importa comigo é nos shows onde tem pessoas nos vigiando para que não role carícias. Não parece que somos namorados.
- Me desculpe, eu também o amo muito mas só estou agindo de forma que a gravadora e os assessores nos pediram
- Quem se importa com o que eles pediram?
- Eu me importo em fazer tudo corretamente. Não quero que nossa carreira acabe tão cedo.
- Qual o problema de sermos uma banda com um casal homossexual? Somos um casal normal Louis, entretanto com pessoas do mesmo sexo.
- Apenas não quero causar problemas para o lado de ninguém e muito menos para o nosso. Estou exausto Harry, vou dormir. Amanhã temos um pequeno show e a noite livre. Vê se tenta sair para se distrair um pouco.
Não é a toa que eu digo que há menos frequências nos nossos programas. Provavelmente ele irá sair novamente com Eleanor e eu vou mesmo sair, não há porque em recusar um recuso do meu bom e velho amigo Ed.

•••••••••••••••••••••••Dia seguinte••••••••••••••••••••••••

Depois de um cansativo show, fui para o camarim junto aos outros meninos para colocar uma outra roupa e poder ir ao encontro de Ed e seus outros amigos que logo poderiam ser meus também. Ao entrar no cômodo Louis estava se retirando dali com Eleanor. Lancei um olhar raivoso para ele e voltei a me concentrar em que roupa eu vestiria. Por fim coloquei minha camiseta preta do Ramones e minha habitual calça preta skinny e as conhecidas botas de cor escura e admito eu adoro-as e combinam praticamente com exatamente tudo.
Pedi a Paul que colocasse meu carro na saída dos fundos e entrei no carro dirigindo em direção ao pub que combinamos de nos encontrar. No estacionamento já era possível escutar a música e as luzes de neon brilhantes para todo o lado. Abri a porta do carro e adentrei o local e visualizando Ed e uma garota loira no bar.
Dei uma boa olhada nela, bonita. Cabelos loiros longos encaracolados quase na altura da cintura. Pernas longas e pele branca. Vestia uma camiseta branca transparente e um short de paetês vermelhos. Para mim era uma figura conhecida e para descobrir isso fui de encontro a eles.
- E ai Harry? Gostando da nova carreira - disse me abraçando
- Com certeza -sorri amigavelmente.
- Acho que vocês já se conhecem e não precisam de apresentações -disse se referindo a menina que agora eu reconhecia a face
- Taylor?
Essa noite ainda guardava grandes surpresas.

••••••••••••••••••••••••
Heeeey! Finalmente eu postei. Minhas sinceras desculpas e dessa vez eu tenho uma explicação. Eu não tinha ideias para continuar e decidi nem tentar escrever alguma coisa antes para não mudar o rumo da história e deixar ela ruim. 
Espero que gostem e continuo com 10 comentários
Jana.

13 comentários:

  1. ta mt perfect continua

    ResponderExcluir
  2. continuuuuuuuuuuuuuuuuaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  3. cara to amando continua pfvrrr

    ResponderExcluir
  4. que perfeeeeeeeito janaaaaa, fiquei com dó do hazza vlh, tadinho :'(
    mas enfim, continuaaaaaaaa, pq tá per-fect *u*

    ResponderExcluir
  5. Continua sim ? Tá per-fect *-*

    ResponderExcluir
  6. Ah finalmente kkkkk tadinho do Hazza, continuaaaa *--*

    ResponderExcluir
  7. Jana gostosa ainda nos mata com essa fic

    ResponderExcluir
  8. mdssssssssssss ve se continua mais rapido ta me matando aqe

    ResponderExcluir
  9. continua peloamor de deeeus

    ResponderExcluir
  10. CONTINUA POR FAVOOOOOOOOOOR!!!!

    ResponderExcluir
  11. Continue logo mermã.

    ResponderExcluir
  12. continua continua continuaaaaaaaaa

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar
Críticas construtivas são aceitas.
Não desrespeite as autoras do blog. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão excluídos.
Não peça para divulgar seu blog/página, existe uma página para isso aqui.
A comentário tem que ter relação com o assunto da postagem
Deixe o link do seu blog no final (sem o http) para retribuir a visita
Não aceito mais selos
Volte sempre ♥